terça-feira, 30 de abril de 2013

Sem chão



Seres 

Em transmutação. 

Queimados 

Pelo sopro do desamor, 

Lá se vão! 

Condoídos... 

Distendidos... 

Estendidos... 

No chão. 

Soltos 

Por uma prisão.

domingo, 28 de abril de 2013

Observando





Entardecer 
Em lugar calmo 

É tão belo quanto 
Um coração que ama. 

Tem magia, encanto,

Uma vontade infinita 
de recordar 

Só as belezas da vida.






segunda-feira, 22 de abril de 2013

Mar


O mar e tudo que ele contém 

Encantam a minh'alma,

Deixam o meu ser extasiado. 

Será o Criador menor 

Do que sua grande criação? 

 Impossível!

sábado, 20 de abril de 2013

Caminhando Internamente




Quando saio a caminhar 
dentro da minh'alma, 

Vou parar, rapidamente, no campo, desfruto, piedosamente, 

De tudo o que por lá ganho...
Vivo!




quinta-feira, 18 de abril de 2013

Luz Radiante






Luz radiante, 

Venha a nós! 

Camufle a ausência 

Escondida no peito.

Guardiões incansáveis zelam 

Pelo ardor d'alma infligida 

Pelo mal. 

À Sós!