quinta-feira, 28 de junho de 2018

Meu Coração é Verde e Amarelo





Bate, coração!



Como amo olhar para o alto e ver bandeiras hasteadas com orgulho de ser brasileiro (a)!


Sempre gostei de me perfilar e cantar o hino também...



A natureza torce pelo nosso Brasil amado...





Céu do último jogo, parecia em agonia exatamente como aconteceu na partida...






Água de coco, elemento natural do nosso país tropical lindo.


Eu lhe ofereço flores no dia de hoje, Pátria Idolatrada, e muito boa sorte para nós todos, o povo que lhe ama de verdade e que só quer o bem e a paz entre nós, brasileiros!


Que o jardim do nosso coração esteja todo tingido de verde e amarelo hoje e sempre, independente da vitória neste jogo da COPA!





Brasil, meu Brasil brasileiro do povo, não de uma elite minoritária.




terça-feira, 26 de junho de 2018

Batalha Espiritual





♥ Botando a cabeça pra funcionar nº 16 ♥

Automaticamente quando vejo uma cobra (mesmo que seja de espetáculo) me reporto à traição, este animal está intrinsicamente ligado à esta simbologia e, no espiritual, tem isto fortemente marcado.
Estava com meu Padrinho de Batismo nestes dias, quando retornei ao lar, conversando sobre um novo projeto pessoal. Imediatamente, ele me deu esta oração.
Sabemos que conta a história que São Jorge lutou contra um "dragão" ...
Gosto muito de ultrapassar os liames literais das palavras e dos seus significados...
Então, tanto faz serpentes, víboras, escorpiões, dragões, feras...
O que sei bem é que a vida oferta, generosamente, inúmeros perigos, desafios, verdadeiras batalhas espirituais e em outros níveis estão aí postas ao nosso ' banquete  ' diário...
Cabe a nós, sutilmente, agregarmos nossos corações aos amigos de fé... empenharmo-nos no único que nos abastece, nos alimenta e nos dá livramentos: a oração.

Lc 10,19
Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum.

Apesar de ter medo destas, não sinto mais do que das 'outras' venenosas...
Oração ao Glorioso São Jorge
Eu andarei vestido e armado, com as armas de São Jorge. Para que meus inimigos tendo pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me vejam e nem em pensamentos eles possam me fazer mal. Armas de fogo o meu corpo não alcançarão, facas e lanças se quebrem sem o meu corpo tocar, cordas e correntes se arrebentem sem o meu corpo amarrar. Jesus Cristo me proteja e me defenda com o poder de sua Santa e Divina Graça, Virgem de Nazaré, me cubra com o seu manto sagrado e divino, protegendo-me em todas as minhas dores e aflições, e Deus com sua Divina Misericórdia e me defenda com o poder de sua Santa e Divina Graça, Virgem de Nazaré, me cubra com o seu manto sagrado e divino, protegendo-me em todas as minhas dores e aflições, e Deus com sua Divina Misericórdia e grande poder, seja meu defensor, contra as maldades e perseguições dos meus inimigos, Glorioso São Jorge, em nome de Deus, estenda-me o seu escudo e as suas poderosas armas, defendendo-me com a sua força e com a sua grandeza, e que debaixo das patas de seu fiel ginete meus inimigos fiquem humildes e submissos a vós.
Assim seja com o poder de Deus, de Jesus, e da falange do Divino Espírito Santo.
São Jorge rogai por nós. Amém. 



Tende piedade de nós, Senhor!


Claro, que esta é uma das orações ao referido santo da devoção de muitos de meus familiares  pois temos militares na família e ele é conhecido como um santo guerreiro, citei esta por ser a que meu padrinho recita de cor e me deu, a guardarei com estima por me ter sido dada por ele.

O dia mal amanheceu e peço a Deus por mim, pelos meus amigos e por todos que padecem provações de toda sorte, privações por ataques maliciosos do mal... ele é sorrateiro e, maldosamente, põe em destaque nossa própria incapacidade para não termos forças e confiança própria, autoestima e firmeza de espírito e caráter.
Somos filhos de Deus e nada pode nos destruir...
Se temos dificuldades diárias, Deus nos tomará e nos erguerá como faz com a águia.
Dará todo suporte necessário. Ele é fiel!
Com sua imagem, Chica, faço minha prece matinal com devoção e fé.

Estamos todos passando por tribulações, crise em nosso país, desespero de não saber como vamos terminar, mas esperemos em Deus e louvaremos a sua Bondade. O mínimo é rezar, claro! Temos muito que arregaçar as mangas e batalhar de verdade para que estes venenosos governantes saiam do poder e entre gente de bem que nos possibilite fazermos jus ao que merecemos por conquista pessoal, esforço e trabalho digno.
No plano espiritual, que toda sorte de maledicências, invejas e ambições dos demais não tenham força alguma contra nós. Saiam tempestades, dominações e potestades!
Somos de Deus e nada pode nos destruir para sempre.


Quado eu pensar em desistir da vida, o Senhor estará ao meu lado.
Tudo vai ficar bem!
Convivemos entre cordeiros e leões...
Deus nos livre dos maliciosos de todo tipo que nos rondam:
Sede sensatos e vigilantes. O Diabo, vosso inimigo, anda ao redor como leão, rugindo e procurando a quem devorar.
(1 Pe 5,8)

Sejamos todos felizes e abençoados pela Força da fé que nos cuida e nos livra de todos males físicos, emocionais e espirituais!

Anjos de Deus e amigos cá na Terra nos protegem e cuidam de nós!


domingo, 24 de junho de 2018

No Rigor do Inverno



1 Imagem, 140 Caracteres # 248


Amei a imagem e tecer a vida e poemas com ela... Obrigada por me fazer orar no início do dia... com novelos de amor no meu coração  sempre voltado a dar carinho aos meus semelhantes... Mesmo desproporcional ao que receba, o Senhor trata logo de superar carências e meu amado me supre tudo que me falte em relação aos demais... Afinal, há mais alegria em dar do que em receber sempre.
Deus é Fiel!


I

Desenrolo o fio da meada,
Desvelo mistério do nada.
Teço ponto por ponto. Cuido,
Acarinho sono do amado.
Enquanto desenrolo, sorrio.
Faz muito frio,
Gela a alma.
O carinho do amor
Aquece-me...
É inverno!
Edredom e tricô
Amenizam dor.
Alarga meu coração,
Em constante amorização...


II

Agulha do bem, bem me tece!
Tricota o Amor em mim. Enlace-me!
Afaste meu cansaço, temor, frio,
Cresce no dia a dia... Enaltece!
Teço estes versos para compor,
Amar-me muito e me recompor.
Desenrole-me, desembargue-me!
Poemetos, aquecem meu coração!
Com a Força do teu Divino Amor.


Acima, meus trabalhos atuais para presentear amigas...
Abaixo, uma foto com um  cachecol tecido por mim com lãs trazidas de SP e que gosto muito. 
Ficou tão mimoso!



Minha amiga e irmã de alma, Xunandinha com um que fiz para ela.





No rigor do inverno, um grande amor aquece a alma...
Vem comigo, vem, dá-me a tua mão!

Senhor, Te peço pelos pobres e oprimidos. Os que não têm cobertor, muito menos edredom quentinho.
Doemos nosso carinho sincero. O coração do outro precisa sentir Amor Grande que não custa dinheiro...
Tão bom acordar e dormir com carinho! É o único que levamos deste mundo, desta vida...
No outro dia, vi um casal nas calçadas da Praia do Canto em Vitória ES (aqui no meu Estado de residência) me fez quase chorar... ela viu que o companheiro levantava e lhe disse: me abraça! Coitada, não tinha só frio no corpo, tinha na alma que nada passa a não ser o amor do amado... dói e congela, petrifica que só o abraço amoroso do amado faz passar... Como a compreendi, meu Deus! 
Coitado dos que dormem na ruas!

Felizes somos os que temos um amor lindo para nos abraçar no frio e nos dar amor carinhoso e sincero.
Para os desabrigados, esta música, em pensamento, eu oferto:



Mãe do Céu, protegei os que tecem dores de todo tipo sobretudo as da alma.




Como amo tecer... seja no sentido literal como em versos e prosa...


III

A Palavra de Deus 
Tece em meu coração 
Doçuras sem fim, 
Pontua minha vida 
Com Sabedoria.
Vou lendo, tecendo,
Derrubando males,
Curando dores,
Dando energia
Alegrando meu dia!
Vou pela vida
Muito alegre.
Se ninguém me entende,
Deus me atende.
Mostra a Luz, venço!
É alento puro!

Carinho tecido pelo amado do meu coração e aqueceu minha alma...

P.S. Quero pedir desculpas aos amigos Graça e Renato pois com esta nova modalidade de ter que ir ver se tem comentário (pois os modero), excluí já os seus; Renato, um aqui e Graça, dois... Fiquei muito triste, peço desculpas. Lindos comentários foram tecidos e eu deletei sem querer. Perdão!



quarta-feira, 20 de junho de 2018

Alquimista do Bem Viver (V)


Verdejar é se encantar..
Estar de bem com a vida.
Perpetuar ânimo e alegrar,
Valer a pena registrar a ida.


Ver flores e contemplar
Uma das minhas saídas,
Animar alma algo caída
No doce gesto de admirar. 


Flores amarelas são belas,
São vigor e boa energia...
Ponho bom olhar fixo nelas
A alegria doce me contagia...


Cada flor tem sua beleza,
Nela ponho toda presteza,
Inusitada com delicadeza,
Uso de muita sutileza...


Vermelhas são bem alegres...
Contagiam, irradiam quereres.
Jardins ficam bem radiantes,
Energizam e são contagiantes.




domingo, 17 de junho de 2018

Alquimista do Bem Viver (IV)

Mês do Meio Ambiente

Estar cheia de oxigenação,
Fazer muito bem ao coração,
Extasiar todo ser com  emoção.


Ver pedra firme dá firmeza 
O acordar precisa de leveza,
A vida requer muita fineza.


Caminhar tranquila pelo prado,
Ainda que não seja no gramado,
Recupera tudo de não amado...

Por entre caminhos eu vou,
Muito mais alegre estou,
Meu corpo todo energizou.

Muito perto da selva de pedra
Um parque nos deixa esbelta.
Vale a pena ser esperta! Ah!

Pedra da Cebola Vitória ES

terça-feira, 12 de junho de 2018

Dois Pombinhos Namorando




Lindo de se ver!
Gostoso de se olhar,
Encantador de se sentir,
Todo bem e ternura exalar!
Pássaros esvoaçantes num mesmo lugar,
Acariciam-se com toques sutis,
Delicadamente perfeitos!
Doce encanto do amor,
Vivendo o azul!




Dia dos enamorados Feliz!


segunda-feira, 11 de junho de 2018

Alquimista do Bem Viver (III)

Mês do Meio Ambiente

O ar livre me impulsiona
Tudo nele me impressiona...
Gosto de apreciar e aderir
À esperança do novo porvir.


Belos recantos visito na vida,
Todos me dão alegria na lida,
Gosto do verde que me refaz,
No campo, me sinto em paz.


Sou uma andarilha da vida
No caminhar desprovida...
Entre retas e curvas, medito
Ponho-me orante: bendito!


Curioso, interessante adorno,
Fico a admirar ao entorno...
Fotografo o que me alegra
Fico sempre bem desperta.


Vários matizes de verde...
Contemplando, vou atenta,
Aprecio detalhe, me contenta,
Formoseio, mas sem alarde...


Cada cantinho eu exploro,
Vou de lance em lance...
Nada mais eu gosto tanto:
Caminhar, tendo chance.


Pedra da Cebola- Vitória - ES