sábado, 22 de junho de 2013

Calmaria Infinita


Vem, meu amor!

Adormece-me a alma

 Sedenta do teu calor. 

Aquece-me 

Enquanto sucumbo 

Friorenta e esmagada 

Pela dor da saudade. 

Aconchega-me!

2 comentários:

  1. Bom dia !
    Gostei muito da mensagem ...
    bjsssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  2. Linda poesia e nada como um amor pra aconchegar nossa alma!bjs,

    ResponderExcluir